GUANTES Y MASCARILLAS

Já faz quase 3 meses desde que foi decretado o estado de alarme, a 14 de março, devido ao coronavírus (COVID-19) levando a um aumento de vendas de luvas e máscaras como método preventivo perante o COVID-19.

No dia 21 de maio o governo tornou obrigatória a utilização de máscaras para todas as pessoas com mais de 6 anos, quer na via pública quer em espaços públicos fechados. Tudo isto se não for possível manter a distância de segurança de 2 metros. No caso das luvas, são obrigatórias ao entrar em supermercados para a manipulação de frutas e legumes.

Encontramo-nos diante de um cenário pouco respeitador com o ambiente, assistindo à presença destes resíduos usados no chão, nas praias... em vez de os deitarem no lixo e/ou contentor.

Por isso, perguntamo-nos: onde é que se deitam realmente estes resíduos?  O utilizador pode ficar confuso acerca do local onde deitá-los fora pelo material de fabrico: o plástico, a borracha, o nitrito, o látex ou o vinilo, que nos faz pensar que devem ser deitados no contentor de embalagens, mas estamos errados. Por isso, as luvas e as máscaras usadas devem ser deitadas no contentor do lixo geral.Não serão atiradas ao contentor de embalagens nem de papel.

Não se esqueça de lavar as mãos frequentemente para evitar possíveis contágios.

 

Junho 2020

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

pt_PT